segunda-feira, 19 de novembro de 2007

DIVAGAÇÕES

segunda-feira, 19 de novembro de 2007
O inalcançável horizonte,
De tudo o que não sei,
É somente uma ponte,
Que ainda cruzarei.

É a nostálgica reclusa,
Que o eterno não saber,
Faz da ponte que se cruza,
O impossível de se ver.

E conquanto o nunca dito,
Se permita à mente ousar,
Eu somente acredito,
Nesta ponte por cruzar.

O.T.Velho

1 comentários:

Sonia disse...

Oi Ozanã, já estou aqui fazendo uma visitinha...
Que lindo!!! Adorei...
Abraço.

Sônia ))§((

 
Conservatório Íntimo © 2008. Design by Pocket